Agência de Turismo

Ganhe descontos

Booking.com

Aluguel de carro

Navigation

Tudo sobre BANGKOK: a capital da Tailândia!

Tudo sobre BANGKOK: a capital da Tailândia! Veja como sair do aeroporto internacional até o centro de Bangkok, além dos tipos de transportes públicos na capital da Tailândia.




    Tudo sobre BANGKOK: a capital da Tailândia!A minha viagem pela Tailândia foi incrível! Conhecer uma cultura totalmente diferente da minha, foi muito gratificante, uma experiência enriquecedora para a vida.

Eu sou agente de viagem e ajudo o cliente a montar o seu roteiro dos sonhos. Os preços da passagem aérea + hospedagem + aluguel de carro + seguro viagem são conforme o mercado. Entrem em contato para conferir os valores dos pacotes e receba o seu roteiro GRATUITO! 

Contato: blog@dani.tur.br.

Tudo sobre BANGKOK: a capital da Tailândia!


1_Como chegar em Bangkok?

   Hoje em dia, há várias companhias aéreas que fazem voo para a Ásia e a que eu escolhi,  oferecia voo para Bangkok com conexão em Abu Dhabi.

2_Melhor época do ano para visitar Bangkok?

 Devido as monções, tipo de estação climática ocasionada por ventos sazonais provocando chuvas intensas, a melhor época para visitar Bangkok é entre os meses de Dezembro e Abril.

3_Precisa de visto para entrar na Tailândia?

  Os brasileiros não precisam de visto para entrar na Tailândia, mas é fundamental uma certa atenção na validade de seu passaporte. Sempre verificar, antes de comprar a passagem, a data de expiração dele.

Geralmente, as fronteiras não aceitam que o estrangeiro entre no país de destino caso o passaporte esteja com a validade vencendo em menos de seis meses.

4_Precisa se vacinar antes de viajar para Bangkok?

  Sim, precisa ter a vacina da febre amarela em dia e apresentar o comprovante internacional da vacinação na entrada do país, no setor "Health Control" antes de entrar na fila da imigração. 

Eles não exigem para todos os visitantes, mas principalmente aos que estão chegando da América Latina e África.

5_O que precisa apresentar no Health Control?

  • um formulário que é preenchido na hora;
  • o comprovante internacional de vacinação da febre amarela;
  • o passaporte;
  • o cartão de embarque do último voo.
BANGKOK THAILAND


BANGKOK THAILAND

6_Qual o idioma local e qual a forma de comunicação?

  O tailandês é o idioma local, sendo que a zona turística se comunica através da língua inglesa, inclusive os taxistas.

7_Qual o fuso horário?

  Em relação ao Brasil, o fuso horário é de 10h. Então, se na América são duas horas da tarde, lá será meia noite.

8_Qual é a voltagem em Bangkok?

 Caso queira levar algum aparelho eletrônico, a voltagem é de 220V.

9_Sobre a cidade de Bangkok:

  Bangkok é a capital da Tailândia e talvez, o centro mais populoso da região. É lá onde as empresas corporativas multinacionais estão situadas, criando um polo financeiro e de negócios no país.

  Quando você caminha pelas ruas, observa um contraste interessante entre a cultura milenar local, com seus palácios e templos que contam a história tailandesa, e a metrópole financeira, com seus slogans luminosos e shoppings grandiosos, modernos e luxuosos.

BANGKOK_SHOPPING SIAM PARAGON

  A cidade de Bangkok foi o meu primeiro destino pela Ásia e posso dizer, uma cidade deslumbrante com os seus valores culturais bem conservados e com meios de transporte público de primeiro mundo

  Como eu gosto de viajar por conta própria, vou compartilhar com vocês as opções de transporte pela cidade para facilitar a logística quando estiverem por lá.


  Os taxis de Bangkok são equipados com taxímetros, mas o detalhe é que eles, geralmente, são ligados quando o passageiro é um nativo.

Atenção: cuidado ao pegar uma corrida sem ter negociado o preço dela antes de entrar no taxi.


BANGKOK_TRANSITO CAOTICO DE UMA CIDADE GRANDE.

  Caso você esteja com malas, aí o preço sobe absurdamente. Esse foi um dos pontos pelo qual achei interessante me hospedar perto de uma estação de transporte público. Sempre há um desgaste durante as negociações e você acaba sentindo mais quando viaja por um período longo. 

 Cheguei em Bangkok pelo aeroporto internacional Suvarnabhumi e a minha aventura pela cidade, que ainda era desconhecida por mim, começou após eu retirar a minha bagagem na esteira.

Aeroporto Internacional Suvarnabhumi_Bangkok

  Algo muito importante e que precisa ser providenciado antes de sair do aeroporto é obter a moeda local, então, fui em busca de um caixa eletrônico para retirar alguns Baht (moeda local).

DICA: vale a pena retirar o valor máximo permitido, porque, a cada retirada, o banco tailandês cobra 200 baht de serviço.

 Mas se você tem o hábito de fazer o câmbio através de agências de câmbio, também consegue porque há algumas por lá também. Lembre-se que cotação no aeroporto é sempre menor, por isso aconselho a não trocar um valor grande lá.

  Outra dica importante é sempre conversar com o guichê de informação ao turista no aeroporto. Mesmo que você ache que já leu tudo sobre o lugar, sempre há uma informação nova e mapas pra serem adquiridos.

  Se você fez a sua reserva num hotel próximo a zona do Subway, Skytrain ou AirPort Rail, a sua aventura se iniciará de forma bem econômica.

BANGKOK_BTS SKYTRAIN



10_Como são os transportes públicos em Bangkok?

  • O AirPort Rail link que vai do aeroporto internacional Suvarnabhumi até a Phaya Thai;
  • O MRT Subway vai da estação Bang Sue até a Hua Lamphong (Ferroviária);
  • BTS Skytrain (Sukhumvit line) que vai da estação Mo Chit até a Bearing;
  • BTS Skytrain (Silom Line) que vai da estação National Stadium até a Bang Wa;
  • O hidroviário que tem como estação central a Saphan Taksin.


  Falo sobre como funciona o sistema de transporte público em Bangkok em outro post, clique aqui.

11_O que fazer em Bangkok?

  Esse tema é longo, porque há muitos lugares interessantes para conhecer em Bangkok, desde feiras públicas até o belíssimo Grand Palace.

Abaixo, seguem os links dos lugares mais visitados:


Um lugar imperdível, onde a família real vive, com muita histórias e templos belíssimos. A arquitetura é fantástica e todos são budistas. Um dos principais pontos turísticos da Tailândia, com restrições de vestimenta, por isso, importante checar o link acima sobre Grand Palace para anotar quais roupas não são permitidas dentro do Grand Palace.
BANGKOK_GRAND PALACE

Um dos templos mais famosos do Buda Reclinado. Há em outros lugares esse tipo de apresentação do buda, mas o Wat Pho possui uma energia especial.  Ele é considerado o primeiro centro de educação pública da Tailândia. Veja mais detalhes no post sobre ele, link acima. 


BANGKOK_WAT PHO

Fica localizado do outro lado do rio, em frente ao Wat Pho. Muito visitado no final do dia para apreciar o pôr do sol. Há lojas para alugar roupas típicas tailândesas para tirar fotos no templo. 

BANGKOK_WAT ARUN

Um mercado atípico na região, pois as vendas de produtos para turistas são feitas através de barcos. Mas, caso você não tenha interesse em contratar o barco, pode aproveitar também para circular nas milhares barracas armadas perto do mercado, transformando o local em uma grande feira de artesanato a céu aberto. 
BANGKOK_DAMNOEN SADUAK

Eu viistei o mercado no meu primeiro dia em Bangkok. A viagem do Brasil até a capital da Tailândia é bem longa e, quando eu cheguei no hotel, escolhi dormi para reabastecer as energias. Após acordar, no final do dia, fui direto para o famoso mercado noturno Asiatique. Veja como chegar nele de forma gratuita no link acima.  
ASIATIQUE_BANGKOK


  • Casa de Jim Thompson
Imperdível! Você pode entender como é feita a seda e visitar a Casa de Jim Thompson, com inúmeras obras de arte, e seus jardins. Há também restaurante e uma loja com venda de produtos variados feitos no fio da seda: as blusas e lenços são lindos. Ele era uma arquiteto americano, que decidiu viver o resto de sua vida na Tailândia, onde foi o grande promotor da seda tailandesa no país.  
  • Shoppings
Há muitos em Bangkok, vendendo desde itens de luxo, passando pelos tecnológicos até mercadorias artesanais. O Siam é o mais sugerido pelos guias, mas não é barato, então sugiro que circule perto dele, pois você vai encontrar outras opções mais em conta. 

A região de Silom e Sathorn são as mais recomendadas para as compras.


Veja também o roteiro da Victória Farina, blog Na Proa da Vida, que publicou um roteiro de 3 dias por Bangkok, a capital da Tailândia. Adoro ler roteiros, pois eles nos ajudam a conhecer um pouco da cultura local antes da viagem, sem contar com as dicas chaves para aproveitar bem, cada dia, durante a viagem.  


Aprenda a planejar a sua viagem e não esqueça de alguns detalhes fundamentais, como:

1- O Seguro Viagem: hoje em dia, não tem como viajar para o exterior sem o seguro viagem. Há diversos no mercado, por isso, eu sempre pesquiso pelo Seguros Promo

Você preenche o destino e a data da viagem e ele faz uma busca com as seguradoras do país,  informando o melhor preço. 



2- O aluguel do carro: outro item que a gente faz perder um tempão pesquisando. Hoje, eu faço a minha pesquisa através da Rent Cars, um site que compara aluguel de carro em mais de 100 locadoras do mundo. 

Sem contar que pode pagar em Real, evitando o pagamento do IOF.







Share

Dani Turismo

Post A Comment:

3 comments:

  1. Muito bom! Já anotei as dicas de chegada no aeroporto. Como o nosso voo está previsto para chegar às 23:30, se não houver atraso, é claro, acho que vou pegar um Uber mesmo por causa do horário muito tarde. É capaz de não ter skytrain funcionando, não é?
    Beijos,
    Lily e Julio
    @apaixonadosporviagens.

    ResponderExcluir
  2. Importantíssimo guardar o cartão de embarque do ultimo vôo para entrar em Bangkok. Como eu fiz alguns vôos, tinha tudo guardado. Vi um casal de argentinos encrencados pq o marido não sabia onde estava o cartão de embarque.

    ResponderExcluir
  3. Sim, o skytrain não estará funcionando quando você sair do aeroporto de Bangkok. O uber ou taxi será a melhor alternativa.

    ResponderExcluir

Obrigada por sua mensagem! Você pode receber mais informações enviando as suas dúvidas para o email comentarios@dani.tur.br