Agência de Turismo

Ganhe descontos

Booking.com

Aluguel de carro

Navigation

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Conheça o Refúgio Bela VIsta de Itaipu e veja como está sendo feito o trabalho de reflorestamento e cuidado com os animias.

 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Refúgio Biológico Bela Vista

A caminhada no Refugio Ecológico é por volta de 2,5km, com muitas paradinhas para apreciar a natureza e os animais. Você nem sente o tempo passar! Há aproximadamente 35 espécies de animais nativos da região. No total são 8 refúgios biológicos, quatro no lado brasileiro e os outros quatro, no lado do Paraguai. 

Desde o tratado de 1973, tudo deveria ser dividido iguatariamente entre os dois países tanto nos direitos quanto nas obrigações e assim segue até hoje. Quando você está em Itaipu, a localização definida é através do lado direito ou esquerdo do rio Parané, fazendo fronteira natural entre os dois países. O passeio do refúgio ecológico é realizado na margem esquerda, representado pelo Brasil. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Após a entrada no portal de fiscalização de Itaipu, você pode ver o Parque da Piracema, onde está localizado o canal da Piracema. Devido ao obstáculo no meio do caminho, o paredão de Itaipu, os peixes não conseguem subir o rio Paraná no período de Piracema, por isso, foi construído o canal de Piracema, maior canal de transposição de peixes do mundo, contendo 10km de extensão, que foi dividido em dois trechos: natural e 4km, artificial. O canal serve para conectar a parte baixa do rio, com a alta, que é o reservatório. Desde 2009 são feitas marcações eletrônicas nos peixes do canal, para identificar o percurso deles após a piracema. Já identificaram peixes em São Paulo.

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Durante a parte inicial do caminho, você pode observar as famílias de capivaras circulando pelo gramado e na margem do canal. Esse animal é um dos maiores roedores do mundo, podendo pesar até 60kg e se reproduz facilmente, podendo chegar até a 8 filhotes por gestação. Há a presença também da onça parda e jacaré do papo amarelo, no canal da Piracema, fazendo um controle natural do número de capivaras na região. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Tanto o Refúgio Ecológico quanto o canal de Piracema foram desenvolvidos para reduzir o impacto ambiental ocorrido com a construção da usina de Itaipu. Em 1982 ocorreu a aprovação do reservatório, uma área extensa foi alagada e milhares de animais ficaram nas copas das árvores. Houve um resgate de mais de 20 mil animais, sendo que muitos deles, que tinham condições de retornar para a natureza, foram reinseridos num local seguro e os que não tinham, foram recebidos no refúgio, um abrigo para os animais. 

Hoje, os animais no refúgio vieram devido a algum atropelamento ou apreensão por tráfico de animais na região. A empresa se preocupa com o tratamento dos animais, além de ajudar na reprodução de espécies que estão em extinção. A reprodução é feita no criadoro de animais silvestres, uma área que não pode ser visitada, pois menor contato que eles tiverem com os humanos, mais sucesso será a reprodução das espécies e a volta para a natureza. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Foi feito uma reconstrução da Mata Ciliar, vegetação às margens dos rios e lagos para proteger contra erosão, levando por volta de 10 anos para ser implementada. Todo o percurso do Refúgio foi plantado, fazendo parte do Projeto de Reflorestamento de Itaipu. Foram plantados aproximadamente 40 milhões de árvores. A extensão da Mata Ciliar é de aproximadamente 1.400km no Brasil e 1.500km, no Paraguai, ligando o Parque Nacional do Iguaçu ao Parque NAcional de Ilha Grande. 

Lembre de levar uma garrafinha de água, que poderá ser usada no decorrer do trajeto, nos pontos de descanso contendo banheiros e bebedouros. 

O ônibus nos deixou em frente a entrada principal para a caminhada, mas antes de começarmos a desbravar o refúgio, nós tivemos uma linda surpresa em plantar uma árvore. A guia nos entregou as sementes e nós pegamos o recipiente (tubete) e a terra para fazer o plantio. Deixamos o material plantado numa estufa. Toda essa área era fazenda de soja, que Itaipu reflorestou para criar a Mata Ciliar. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista


A caminhada foi muito agradável, mesmo com o tempo ameaçando a chover. Nós pegamos um trajeto bem pequeno com chuva, por isso, para quem fizer esse passeio durante o verão, sugiro que levem uma capa plástica (pode ser a mesma que usa no Parque Foz do Iguaçu). Foi uma caminhada enriquecedora, onde você aprende um pouco mais da flora e fauna local. Há uma grande preocupação em resgatar as árvores nativas da região e estabelecer uma harmonia no ecossistema fazendo com que o território seja habitado pelos animais selvagens também. 

Nós vimos algumas espécies como jaguatirica (em extinção), Gato Maracajá (gato do mato), Caracará (gavião), Urubu de cabeça preta e vermelha, Quati, Mutum de Penacho (ave), Jacutinga (ave), Jabuti, Corujas brancas ou de igreja (Suindara), Coruja Olheruda, Coruja Mocho do Diabo, Coruja Mocho dos Banhados, Jararaca (cobra), Salamanta (cobra), Cascavel (cobra), Macaco Prego, Seriema (ave), Tamanduá-bandeira, Veado Mateiro do Sul, Cervo do Pantanal, Lontra, Anta, Cateto (porco do mato), Harpia (águia), Onça Pintada entre outros. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista


Você também tem a experiência de passar dentro de uma gaiola gigante, onde poderá ver de pertinho a Garça Branca, Socó Dorminhoco, Marreca Ananai, FRango D'Agua, Iraúna Grande, Marreca Irerê, Quero-Quero, Periquitão Maracanã, Arara Vermelha, Papagaio do Peito Roxo, Maitaca Verde, Ararinha Maracanã, Papagaio Verdadeiro, Periquitodo Encontro Amarelo e Guacho. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

A psicultura também é presente do projeto de Itaipu, com o objetivo de proporcionar condições para estudo do potêncial produtivo das espécies de peixes nativas da bacia do rio Paraná, onde a produtividade chega até a 100kg/m3. Ele ajuda a família pesqueiras emprestando os tanque, doando os alevinos (filhotes dos peixes) para que as famílias possam ter uma renda extra na época da Piracema, e evitando que elas pesquem ilegalmente, prejudicando o processo natural de reprodução. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

O reservatório além de gerar energia, abatece as casas de Foz do Iguaçu também. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Para que você tenha uma experiência agradável e não prejudicar o trabalho de reflorestamento, vejam alguns itens importantes:

-Não alimente os animais;

-jogue o lixo na lixeira correta;

-respeite a grade de proteção;

-é proibido fumar ou produzir qualquer tipo de chama;

-mantenha-se na trilha.   

As áreas protegidas da Itaipu Binancional somam 100.732 hectares (Brasil-Paraguai). São compostas pela Faixa de Proteção no entorno do Reservatório, Refúgios Biológicos e Reservas Biológicas, que fazem parte do Corredor de Biodiversidade do rio Paraná. 

Para finalizar o passeio, a guia mostrar um quadro ilustrativo de animais, onde aponta para as fotos em preto e branco, como animais que foram extintos: Tigre da Tasmânia, Dodô do filme Era do Gelo, Pica-Pau Imperial. Os próximos em risco de extinção são: o veado Bororó, a Lontra, o Tucano, a Garça e a Raposa do Campo.  

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista

Hoje, Itaipu possui projetos fundamentais para a biodiversidade da região, como: o Corredor de Biodiversidade, Refúgios Ecológicos, faixa de proteção do reservatório, graças ao idealizador Roberto Ribas Langue, um biólogo, ambientalista, que ajudou nos resgates de animais e plantio das árvores e morreu em Salto Caxias, numa operação de resgate de animais.  Ele incentivou algumas ações importantíssimas para o ecossistema da região. 

O grupo fez o passeio na companhia da guia Rhebecca Ruiz, que apresentou o Refúgio de uma forma exemplar, com paciência e profissionalismo. 

Itaipu: Refúgio Biológico Bela Vista



Share

Dani Turismo

Post A Comment:

22 comments:

  1. Muito legal saber mais sobre Itaipu e como ela é um refugio da biodiversidade. Visitei lá e achei muito legal plantar uma arvore quando um funcionário aposentar. Obrigado pelas informações.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Moises, tudo bem?
      Essa parte da plantação das árvores pelos funcionários fica no passeio panorâmico da usina de Itaipu, que também é super legal de fazê-lo. O complexo empresarial é muito interessante!

      Excluir
  2. Dani que post legal, adorei saber mais sobre Itaipu, era um destino desconhecido pra mim. Um abraço grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roberto, tudo bem?
      Quando você for a Foz do Iguaçu, precisa fazer os passeios de Itaipu, são imperdíveis!

      Excluir
  3. Passei pela região, mas infelizmente não fui a Itaipu e ao refúgio, mas vontade não falta, ainda quero conhecer esse local e ver essa variedade ecológica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Flavia, tudo bem?
      Quando eu fui pela primeira vez em Foz do Iguaçu, Itaipu estava em greve e não consegui realizar os passeios. Você pode ter a certeza, que é um dos melhores passeios da região.

      Excluir
  4. Adoro passeios onde podemos estar em contato com a natureza. Infelizmente não fiz esse passeio em Foz, mas quando voltar a cidade certamente farei. Amei a dica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, tudo bem?
      Esse passeio é uma porta de entrada para conhecer melhor os projetos ecológicos de Itaipu. Tenho certeza que você vai adorar :-)

      Excluir
  5. Não fiz o passeio do Refúgio Biológico Bela Vista quando estive na usina, mas pareceu ser bem interessante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, tudo bem?
      Sim, é um passeio interessante, onde você mergulha nos projetos ecológicos de Itaipu.

      Excluir
  6. Quero muito fazer um passeio em Itaipu quando for ao Brasil Deve ser demais! Um abraço e amei as dicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Roberto, tudo bem?
      Você vai adorar. Itaipu fica localizado no rio Paraná, entre o Brasil e Paraguai, na cidade de Foz do Iguaçu. A sua viagem será mais rica culturalmente, fazendo os passeios de Itaipu. Boa viagem!

      Excluir
  7. Que demais! Não conhecia o Refúgio Biológico Bela Vista, fiquei super surpreso. Essas caminhadas na mata fazem um bem enorme para a nossa saúde mental.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabricio, tudo bem?
      Eu também adoro caminhar em lugares, que preservam a natureza. Além de vitaminar a saúde mental, você conhece melhor os projetos ecológicos da empresa.

      Excluir
  8. MORRO DE VONTADE DE CONHECER ITAIPU, MAS AINDA NÃO TIVE CHANCE. ADOREI SEU POST, MUITO OBRIGADA POR COMPARTILHAR!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcela, tudo bem?
      Será uma viagem incrível à Foz do Iguaçu, incluindo Itaipu.

      Excluir
  9. Já estive aí muitas e muitas vezes, mas nunca visitei o Refúgio Biológico Bela Vista. Nem sabia de sua existência para falar a verdade. Precisamos cuidar urgentemente de nossa biodiversidade, se quisermos um mundo saudável, uma humanidade saudável, qualidade de vida...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, tudo bom?
      Esse projeto de reflorestamento é essencial, quando se tem obras gigantes como Itaipu. A empresa está de parabéns pela preocupação ambiental.

      Excluir
  10. Dani, fui em Foz quando tinha 12 anos e faz tempo que quero voltar. Com certeza vou querer conhecer Itaipu e fazer o passeio do Refúgio Biológico Bela Vista . Adorei a dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, tudo bem?
      Um passeio cheio de energias boas, você vai adorar!

      Excluir
  11. Nossa, já fui várias vezes a Foz e nunca visitei Itaipu. Adorei tuas dicas e quando voltar vou visitar com certeza! Obrigada por compartilhar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Surian, tudo bem?
      Itaipu é um dos principais passeios de Foz, onde você pode conhecer melhor a construção, funcionamento e projetos ecológicos.

      Excluir

Obrigada por sua mensagem! Você pode receber mais informações enviando as suas dúvidas para o email comentarios@dani.tur.br