Ganhe descontos

Booking.com

Aluguel de carro

Lojas Americanas

Lojas Americanas
PROMOÇÃO
Navigation

Cancun: oásis do Caribe!

Vejam o que fazer em Cancun para programar e organizar a sua viagem dos sonhos. Um dos destinos mais procurados por casais e famílias! Importante definir onde se hospedar em Vancun para que você aproveite 100% a sua viagem.


Um destino famoso para a lua de mel dos sonhos, além das férias de primavera dos jovens americanos (o springbreak) e férias escolares das famílias com crianças. Um destino imperdível, que oferece mil e uma atividades para todos os gostos. Cancun: o Oasis do Caribe!

Já estive em Cancun duas vezes e a cidade sempre me impressiona com a segurança e planejamento urbano. Há uma vasta opção de hospedagem para todos os bolsos: desde aluguéis de aptos até resorts. Eu já me hospedei de ambas as formas e posso dizer que, você vai aproveitar tanto em um apto alugado quanto em um resort na zona hoteleira. São propostas bem distintas, que eu vou descrever abaixo, com detalhes. 


Eu sou agente de viagem e ajudo o cliente a montar a sua viagem, de acordo com o seu perfil. A minha agência vende passagem aérea + hospedagem + aluguel de carro + seguro viagem. Podem entrar em contato comigo, para conferir os valores dos pacotes, enviando email  para o blog@dani.tur.br.

1- Onde fica Cancun?

Cancun é uma das principais cidades turísticas mexicanas, localizada no Estado de Quintana Roo, conhecida pos praias paradisíacas de verde esmeralda do Caribe.


2- Como chegar?

Se estiver saindo do Brasil, há algumas cias aéreas que fazem Cancun: 
* a Gol tem voo direto saindo de Brasília (eu fui nele da última vez);
* a Copa Airlines possui mais opções de voos, com conexão no Panamá:
* as cias aéreas americanas também fazem, mas, a viagem acaba sendo mais longa, pois elas fazem conexão nos EUA. Para isso, você terá que ter o visto americano.


3- Melhor época do ano para visitar?

A melhor época do ano é de Novembro até Julho. Fiquem alertas quando virem preços baixos de pacotes para o segundo semestre, principalmente de Agosto até Outubro. Esse período é bastante perigoso na região, por causa dos furacões. 

4- Precisa de visto para o México?

Você não precisa de visto para entrar no México, mas precisa preencher o formulário FMM (Forma Migratória Múltipla) e entregar na cia aérea. Quando eu fui de Gol, ela me enviou o formulário por email para preencher. Já a Copa, eu tive que imprimir o formulário na net e entregá-lo preenchido no dia do embarque.

Assim que você chega no aeroporto de Cancun, vai receber um formulário específico para passar pela alfândega mexicana. Veja abaixo.


5- Precisa de vacina para o México?

Os brasileiros não precisam apresentar nenhuma vacina para entrar no México, até agora. Mas eu sugiro que você esteja em dia com as vacinas administradas pela rede pública de saúde brasileira. 

Dica: pesquise sempre em jornais locais do destino (pela net) se há algum surto de doença no país, assim, você poderá se proteger com uma vacina específica antes de ir. Como sugestão, vale a pena se vacinar da febre amarela, tétano e pneumocócica 13 e a 23 para quem tem acima de 60 anos. 

6- Melhor forma de se deslocar?

Definitivamente, a melhor forma é alugando um carro. Há muitas opções de locadoras no aeroporto de Cancun e, dessa última vez, arrisquei uma operadora desconhecida com preços tentadores e deu certo. Quem tiver interesse, pode entrar em contato comigo para que eu possa fazer a reserva através da agência Dani Turismo (blog@dani.tur.br)

Mas quem estiver viajando para relaxar ou não gosta de dirigir, pode fechar pacotes com transfer de chegada e saída, além dos passeios com transportes inclusos.

7- Onde se hospedar em Cancun?

O mais importante é a localização de sua hospedagem: a zona hoteleira é a principal região turística da cidade. Nela, você pode encontrar os resorts de diversos padrões, além dos shoppings, restaurantes, lojas de artesanato e as praias. O comércio turístico fica 90% nessa zona, mas há também hotéis de grandes redes e aptos fora dela.



Dica: a opção da hospedagem vai depender do estilo da sua viagem. Se o seu desejo é relaxar e fazer poucos passeios, sugiro que escolha um resort na zona hoteleira. Eu tenho sugestões de resort com bom serviço para os clientes, pois não são todos confiáveis e a frustração de pagar caro para receber um serviço ruim é grande. 

Se quiser alugar um apartamento em Cancun, sugiro que alugue um carro também, pois eles não ficam na zona hoteleira, podendo ficar um pouco afastado da rota dos passeios. Sobre os ônibus púlicos, sugiro pegar somente os circulares dentro da zona hoteleira, pois são mais seguros. 

8- Quais são os pratos típicos em Cancun?

O primeiro prato, que já vem logo na mente é o guacamole, que delícia! Sempre quando compro abacate, tento fazer o guacamole para relembrar os momentos incríveis em Cancun.



Os tacos, burritos, ceviche e cochinita pibil são os mais apreciados durante as refeições. Os tacos e ceviches são pratos mais comercializados no Brasil, bem conhecidos pelos brasileiros que gostam de experimentar sabores novos. Já o cochinita pibil, eu experimentei logo após sair das ruínas Mayas de Chichén-Itza: a carne de lombo é cozida na folha de bananeira e temperada com diversos tipos de temperos locais mais laranja e pasta de urucum.


9- O que não pode faltar na mala?

Com certeza, não pode faltar trajes de banho para os dias de praias, cenotes e piscinas. Além de roupas para os passeios às ruínas mayas e mercados artesanais. Importante levar repelente, sapatilhas aquáticas (para os cenotes), boné e protetor solar.  

10- O que fazer em Cancun?

Além de aproveitar as atividades do resort, você pode conhecer alguns lugares bacanas em Cancun e arredores, como:

* Isla de Las Mujeres: 

Um dos melhores passeios. Há muitos horários de saídas em pontos específicos da zona hoteleira. Vou falar melhor sobre a logística no post sobre Isla de Las Mujeres.



Você pode checar todos os horários e fazer a sua programação de quando ir e voltar. Sugiro que cheguem cedo na ilha para aproveitar muito cada momento. Já fui 2x e sempre me despeço com aquele sentimento de que da próxima vez, ficarei hospedada para curtir os restaurantes à noite.


* As praias públicas de Cancun:

Elas são bem distintas, dependendo de sua localização. Doce engano se você acha que somente a Delfines é a única praia pública da cidade. Geralmente, o city tour te leva somente nela, pois é a que tem o melhor acesso, como estacionamento e entrada principal da rua até a praia. Ela é a que possui maior concentração de banhistas mexicanos também, para quem gosta de observar a população local.


Mas há outras tão bonitas quanto a Delfines. Observando que ela possui correntes marítimas mais fortes, por não haver nenhuma proteção de ilhas por perto, tornando-a como mar aberto. Já as outras, possuem águas calmas para as crianças, devido a proteção da Isla de Las Mujeres no Continente: Playa Caracol, Tortugas e,a Gaviota Azul, fica atrás do Coco Bongo, com um corredor bem discreto entre um restaurante e outro. Super difícil de estacionar na região, pois fica bem no centro comercial turístico de Cancun. Ela é protegida por uma grande barreira artificial, criando um dos melhores pontos para banhistas em geral.


* Mercados de artesanatos locais: 

Mercado Coral Negro e Cancun Center são os que ficam na região central turística de Cancun, mas gostei mais de ter conhecido o Mercado 28, uma mega quarteirão com milhares de tendas, onde se vende de tudo que você possa imaginar. Também é um lugar típico turístico da região, mas você conseguirá fechar as compras após boa negociação de preços com o vendedor. 



Dica: se a sua programação for somente pela Riviera Maia, sugiro que compre as lembrancinhas em Cancun. Mas, se você for para Yucatán, sugiro que faça as compras em Valladolid ou Mérida. 

* Os parques temáticos mais famosos na Riviera Maya: 

Xcaret (o maior parque temático da região, com atividades recreativas e de entretenimento), Xel Ha (considerado o maior aquário natural da região), XPlor (um lugar onde oferece um contato direto com a natureza) e Xsenses (o mais recente, onde você vive uma experiência sensorial completa): a maioria fica na estrada sentido Playa del Carmem.



* Atividades aquáticas, como Museu submerso de Cancun (MUSA) Aquaworld e Skyrider:

O MUSA produziu um espetáculo no fundo do mar, através de várias obras de arte do artista inglês Jason De Caires Taylor. Há uma interação constante da vida marinha com as obras.   


Foto Site MUSA

* Os cenotes são maravilhosos:

Eles não ficam na cidade de Cancun. Muitos estão localizados entre Playa del Carmem e Tulum, na Riviera Maya e no estado de Yucatán. Falarei sobre alguns no post sobre Playa del Carmem, Tulum e Valladolid. 


* Vida noturna em Cancun: 

inacreditável como eles ficaram profissionais nesse quesito. Não é por acaso que os jovens americanos invadem Cancun durante as férias de primavera das universidades americanas (springbreak). A variedade de restaurantes, casas noturnas e beach clubs é absurda, uma do lado da outra, identificadas por suas luzes brilhantes e filas na porta: uma mini Broadway em Cancun. As casas, que mais se destacam, são: The City, Mandala, Coco Bongo, Hooters e La Vaquita. 


* Bate e volta com Playa del Carmem, Tulum e Chichen Itzá: 

Se você tem poucos dias de viagem, o jeito é fazer um bate e volta para conhecer esses três lugares imperdíveis perto de Cancun, mas já vou avisando que ficará um bom tempo dentro do carro. O melhor é dividir a sua viagem para que possa se hospedar 3 noites em cada cidade. Falando sobre a ruína Maya Chichen Itza, o melhor ponto de hospedagem é a cidade de Valladolid.



Aprenda a planejar a sua viagem e não esqueça de alguns detalhes fundamentais, como:

1- O Seguro Viagem: hoje em dia, não tem como viajar para o exterior sem o seguro viagem. Há diversos no mercado, por isso, eu sempre pesquiso pelo Seguros Promo

Você preenche o destino e a data da viagem e ele faz uma busca com as seguradoras do país,  informando o melhor preço. 

 

2- O aluguel do carro: outro item que a gente faz perder um tempão pesquisando. Hoje, eu faço a minha pesquisa através da Rent Cars, um site que compara aluguel de carro em mais de 100 locadoras do mundo. 

Sem contar que pode pagar em Real, evitando o pagamento do IOF.







Share

Dani Turismo

Post A Comment:

0 comments:

Obrigada por sua mensagem! Você pode receber mais informações enviando as suas dúvidas para o email comentarios@dani.tur.br